quarta-feira, 30 de maio de 2007

VARAL DE POESIA ou POESIA DE CORDÃO

Vamos criar o varal da poesia?
No PORTOPOESIA e aqui no blog.
Os poetas que quiserem pendurar seus poemas no varal
é só chegar e pendurar.

Abs Celso

2 comentários:

Rodolfo Muanis disse...

Galera,

Gostaria de participar. Sou aqui do Rio de Janeiro. Vocês poderiam me dar mais informaçòes sobre o evento?

Abraços!
Rodolfo Muanis
ouçam meus poemas em www.amosca.kit.net clicar em mp3

mario pirata brincadeiro disse...

Rodolfo,
bem-vindo ao convés.
Seguinte, o evento tomará contornos mais definidos conforme chegarem as fichas com propostas.
Posso adiantar-lhe, no momento, que as vendas dos livros serão de responsabilidade dos autores, não haverá representação comercial nem consignada para isso - não será uma feira paralela. Cada poeta responderá por seu próprio armamento. Por suas próprias artimanhas.
Existe a idéia de um evento virtual no espaço central das atividades onde poderão ser acessados e visualizados links, blogs, páginas, poemas visuais, filmes coisaetais.
Num primeiro momento, todas as atividades e participações serão gratuitas.
Você já pode mandar um poema recado para ser postado dentro do blog, no varal virtual.
Conforme a coisa irá tomando corpo, corpo tomaremos...

um grande abraço,